<$BlogRSDUrl$>

segunda-feira, maio 03, 2004

O alargamento e algumas opiniões

Já muito se falou sobre o alargamento que se concretizou neste fim-de-semana. Por motivos muito pessoais, sinto-me bastante à vontade para discutir as vantagens e as desvantagens. De qualquer forma, não me sinto com vontade de repetir tudo aquilo que foi dito por personalidades que muito respeito, tais como José Pacheco Pereira.
Assim sendo, vou aqui deixar apenas uma nota de boas-vindas aos novos Estados-Membros da União Europeia.

Para além disso, há uma versão populista sobre o alargamento europeu que não pode ser levada muito a sério : a versão de que Portugal será inevitavelmente prejudicado com o alargamento a países mais evoluídos e com mão-de-obra mais barata. Claro que, mesmo que redutor, esse argumento tem um certo sentido de verdade. Porém, muitos dos que são contra o alargamento, pertencem aos quadros do nacionalismo populista e barato (Manuel Monteiro talvez seja um ícone para essas pessoas) e falam do Estado-Nação como se fosse a salvação da Pátria. Ainda existem os que olham ao seu próprio umbigo, referindo-se à perda de parte dos fundos estruturais que eram habitualmente enviados para Portugal. A esses devo dizer que já tivemos várias oportunidades de nos desenvolvermos dentro da Europa, que já passaram quinze anos e o país nunca foi mais do que promissor. Aos outros, aos amantes da Pátria, devo confessar que fico assaz preocupado com a possibilidade dos Estados-Membros perderem grande parte da sua soberania para uma Europa centrada nas ambições francesas e alemãs. Contudo, julgo que o Estado-Nação não é, obrigatoriamente, incompatível com uma Europa que partilhe objectivos comuns ( economia, militarismo, etc.). Ou seja, eu também repudio a burocracia de Bruxelas e o Eixo franco-alemão. Mas, não se pode afirmar com segurança que o nacionalismo é melhor solução do que o federalismo para os problemas que Portugal enfrenta neste momento ( e aqui devo dizer que não tenho qualquer tipo de sentimento pan-europeu).

This page is powered by Blogger. Isn't yours?