<$BlogRSDUrl$>

terça-feira, fevereiro 17, 2004

"O nosso próprio rosto visto no espelho com uma expressão de angústia insuportável tão desfigurado e medonho e sofredor que nem sequer conseguimos chorar por uma coisa tão feia, tão desamparada, sem qualquer relação com a anterior perfeição e portanto sem nada que a relacione com lágrimas ou com o que quer que seja:é como se o estranho de William Seward Burroughs surgisse subitamente no espelho em vez de nós."

Jack Kerouac, "Big Sur"

This page is powered by Blogger. Isn't yours?